OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA LOCAL

Rio das Ostras tem jornalismo livre e independente

Por Leonor Bianchi em 28/08/2012 na edição 709

Media criticism – em português, “crítica da mídia” – é um conceito fundamentado na participação do leitor, do “consumidor”, dos conteúdos veiculados pelos mass media na crítica ao que ele lê, vê e ouve nesses respectivos conteúdos. O grupo Observatório da Imprensa no Facebook foi criado no dia em que o jornal O Polifônico completou dois anos, em 12 de dezembro de 2011. Para quem não conhece, O Polifônico é hoje a única imprensa livre feita em Rio das Ostras (RJ) por profissionais de comunicação e jornalismo e independente dos engendramentos políticos articulados entre o poder público e os ditos “jornalistas e donos da imprensa local”.

Na contramão dessa metodologia de trabalho, o Observatório da Imprensa Local propõe a análise constante de tudo o que lemos, vemos na televisão, nas revistas, nos panfletos, no rádio, nos outdoors espalhados pela cidade e comecemos a desconstruir o que está por trás desse marketing enganoso e desse jornalismo chapa-branca que vigoram na cidade. Vigoram, mas tendem a minguar, na medida em que os leitores se posicionam e se mostram atentos e críticos diante deste dito impávido “quarto poder”. Vamos observar e colocar em debate. Quanto mais gente entrar nessa polifonia crítica, melhor. Só assim poderemos ver (ler) produtos editoriais sérios circulando em Rio das Ostras, onde o conteúdo não esteja vinculado à ideologia dominante do poder governante. Uma imprensa que trabalhe para cidadão, e não contra ele.

Propaganda e jabás

Esta ferramenta serve ainda, para além de ficar de olho nos jornais locais, aprofundar questões como orçamentos, licitações, contratações, acompanhamento da execução de projetos e ações da Secretaria de Comunicação Social de Rio das Ostras, secretaria milionária e que nenhuma conta presta a todos nós, executando projetos falsários como esse “festival de cinema de rua”, que exibe A era do gelo 15 afirmando ser isto arte, educação, cultura e o pior, formação de plateia.

O que vemos hoje é um organismo governamental atuando de maneira antiética ante os veículos de comunicação regional, trocando favores por propagandas da cidade na mídia local, fazendo “jabás” aos montes e tentando promover um projeto de comunicação que mais parece um processo de lavagem cerebral através da difusão em massa das mesmas notícias (releases) em todos os periódicos da cidade. Notícias estas sempre muito positivas quando se fala da cidade, dos gestores públicos, do chefe do Executivo, que sai sempre bem em todas as fotos.

O Observatório da Imprensa Local é um dos projetos de Educação em Comunicação Popular do jornal O Polifônico. Participe. Acesse o grupo no Facebook e contribua com suas observações.

>> http://observatoriodaimprensalocal.wordpress.com/

>> www.opolifonico.wordpress.com

***

[Leonor Bianchi é jornalista, Rio das Ostras, RJ]

ATENÇÃO: Será necessário validar a publicação do seu comentário clicando no link enviado em seguida ao endereço de e-mail que você informou. Só as mensagens autorizadas serão publicadas. Este procedimento será feito apenas uma vez para cada endereço de e-mail utilizado.

Nome   Sobrenome
 
     
E-mail   Profissão
 
     
Cidade   Estado
 
     
Comentário    

1400
   
Preencha o campo abaixo com os caracteres da imagem para confirmar seu comentário, depois clique em enviar.
Recarregar imagem
   
   



Este é um espaço de diálogo e troca de conhecimentos que estimula a diversidade e a pluralidade de ideias e de pontos de vista. Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser pertinentes ao tema da matéria e aos debates que naturalmente surgirem. Mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas - e os comentaristas que habitualmente as transgredirem poderão ter interrompido seu acesso a este fórum.

 

Nenhum comentário.

Leonor Bianchi