OI na TV

MARANHÃO

Entrevista com Flávio Dino

Alberto Dines | Programa nº 752 | 25/11/2014 | 0 comentários

O jornalista Alberto Dines e Ancelmo Gois entrevistam o primeiro governador eleito pelo PC do B no país: o maranhaense Flávio Dino. O ex-juiz, ex-deputado federal, e ex-presidente da Embratur toma posse como Governador do Maranhão em janeiro, aos 46 anos de idade.

Com mais de 60% dos votos, o candidato derrotou no primeiro turno o senador Lobão Filho (PMDB), escolhido por José Sarney para tentar prolongar a hegemonia do clã que domina, desde 1965, um dos mais pobres Estados brasileiros. O Maranhão tem o segundo pior IDH do país.

Eleito, Dino encerra um período de 50 anos, em que a família Sarney e aliados estiveram no poder, à exceção de um período de 3 ou 4 anos em que os políticos de oposição Zé Reinaldo (PSB) e Jackson Lago (PDT) assumiram o governo. A vitória de Flávio Dino também se destaca pela conquista dos votos em um estado dominado por uma dinastia proprietária de jornais e de redes de telecomunicações.

ATENÇÃO: Será necessário validar a publicação do seu comentário clicando no link enviado em seguida ao endereço de e-mail que você informou. Só as mensagens autorizadas serão publicadas. Este procedimento será feito apenas uma vez para cada endereço de e-mail utilizado.

Nome   Sobrenome
 
     
E-mail   Profissão
 
     
Cidade   Estado
 
     
Comentário    

1400
   
Preencha o campo abaixo com os caracteres da imagem para confirmar seu comentário, depois clique em enviar.
Recarregar imagem
   
   



Este é um espaço de diálogo e troca de conhecimentos que estimula a diversidade e a pluralidade de ideias e de pontos de vista. Não serão publicados comentários com xingamentos e ofensas ou que incitem a intolerância ou o crime. Os comentários devem ser pertinentes ao tema da matéria e aos debates que naturalmente surgirem. Mensagens que não atendam a essas normas serão deletadas - e os comentaristas que habitualmente as transgredirem poderão ter interrompido seu acesso a este fórum.

 

Nenhum comentário.