Saturday, 15 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1292

Linguagem corporativa 2.0

A revista Mundo Corporativo, edição 29, trouxe um levantamento interessante sobre a social media. De acordo com o estudo ‘Mídias Sociais nas empresas – O relacionamento online com o mercado’, 70% das empresas brasileiras consultadas já utilizam e monitoram as mídias sociais.

Trata-se de um dado muito positivo, levando-se em conta que a pesquisa não foi realizada apenas com empresas de ‘raízes tecnológicas’ – aquelas provedoras de produtos e soluções de TI –, mas também com companhias do setor de serviços, varejo, bens de consumo e transporte.

Outro ponto a ser destacado – e muito perigoso – é que 35% das 302 empresas pesquisadas utilizam a social media porque essas ferramentas online estão em evidência. Neste contexto, uma pergunta surge naturalmente: o que farão depois? Abandonar totalmente o que foi criado, ignorando possíveis diálogos com os consumidores? Ou preencher, futuramente, os espaços virtuais com conteúdos irrelevantes só para não ‘fechar as contas’?

Definição de modelos e manuais

Em um projeto de social media, o planejamento é tão (ou mais importante) do que a própria ação em si. Conhecer, então, a fundo as ferramentas necessárias e potencializá-las são tarefas básicas para uma ação eficaz no ambiente 2.0. Afinal, somente desta forma é possível interagir com os consumidores, fornecendo informações adequadas e encantando-os.

Mais adiante, o estudo, desenvolvido pela Deloitte, perguntou qual área administra as ações de social media. Somente 6% das empresas disseram que é o Departamento de Comunicação, o que revela uma aparente despreocupação das empresas entrevistadas com a estrutura dos textos divulgados em ambientes digitais.

De maneira geral, os dados apresentados no estudo corroboram que as empresas ainda estão se estruturando para atuar no mundo 2.0. Neste momento, então, cases de sucesso têm muito valor e tendem, aos poucos, influenciar toda uma cadeia, definindo modelos, manuais e até mesmo uma nova linguagem corporativa.

******

Assessor de imprensa e autor, entre outros, de Assessor de Imprensa – fonte qualificada para uma boa notícia