Saturday, 15 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1292

Refúgio das viúvas do PT

O Observatório da Imprensa, ao menos no que diz respeito aos comentários dos leitores, está se tornando maçante… A óbvia condição de refúgio das viúvas do PT começa a abalar sua credibilidade. Um veículo que se quer portador da crítica ‘isenta’ da mídia, mas que só atrai manifestações de um ínfimo grupo de obcecados, que não admitem nem mesmo o que nomes ilustríssimos do PT (como Hélio Bicudo) já cansaram de declarar em público, deve ter alguma coisa errada. Essa coisa de complô da mídia de direita já cansou.

Senão, vejamos: quem seria a tal ‘mídia de direita’ por antonomásia? Creio que aquela rede de TV da família Marinho é boa candidata. E, no entanto, o que vemos? No dia 28 tivemos apenas mais um exemplo de um comportamento que vem se repetindo há quase três anos. O Bom Dia, Brasil só entrevista gente do governo. Aldo Rebelo foi entrevistado. Por que Nonô não foi? Nonô foi entrevistado por inúmeras rádios, por exemplo. Alguém que ‘perdeu’, nas circunstâncias que aí estão, por 15 votos, não teria nada a dizer ao telespectador da Globo?

Uma única direção

Contem-se o número de aparições nos jornais da Globo de oposicionistas desde o início deste governo e compare-se com o quanto são entrevistados integrantes do governo. Os programas de debates da Globo News quase sempre trazem dois petistas para ‘debaterem’! Quem só assista aos canais da Globo deve pensar que não existe oposição ou que, se existe, restringe-se à esquerda do PT!

Os integrantes do governo aparecem diariamente nos jornais da Globo para serem entrevistados, mentem com uma cara de pau inacreditável (inclusive fraudando estatísticas, como vi várias vezes) e ninguém vê o Sr. Renato Machado contestando os absurdos que qualquer pessoa alfabetizada sabe serem falsos. Comporta-se como as ‘estenógrafas com amnésia’ de Mencken. E não há, nunca, ninguém da oposição para fazer o contraditório (justiça seja feita, esse contraditório é regularmente garantido na CBN).

O Observatório não existe para fazer a crítica da mídia? Nunca vi nenhum comentário a esse respeito aqui. O maior representante da tal ‘mídia burguesa’ que quer destruir o PT nunca convida a oposição para falar em seus jornais, e o OI acha isso muito natural. Isso para não falar do fato de que nunca li aqui nada a respeito dessa inacreditável Carta Capital, para quem, até outro dia, nem crise existia e que, quando não dava mais para se fazer de desentendida, abraçou a extravagante tese do ‘complô da mídia’, tão popular no OI

Este Observatório, ao que parece, só está sendo capaz de observar em uma única direção…

******

Consultor