Tuesday, 24 de May de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1188

Projeto Comprova lança minicurso sobre desinformação voltado para maiores de 50 anos

(Foto: Projeto Comprova)

Versão em português do programa MediaWise for Seniors do Poynter Institute tem curso gratuito via WhatsApp, além de Lillian Witte Fibe e Boris Casoy como embaixadores 

O Projeto Comprova, coalizão liderada pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo (Abraji) e formada por 40 veículos de mídia que trabalham colaborativamente para verificar desinformação, está lançando no Brasil neste dia 30 de março a versão em português do MediaWise for Seniors – um programa de educação midiática desenvolvido para adultos, especialmente os maiores de 50 anos, pela iniciativa de educação midiática digital voltada às redes sociais MediaWise, da organização sem fins lucrativos Poynter Institute. O minicurso por WhatsApp foi criado para ajudar as pessoas nessa faixa etária a distinguir fatos de boatos e a lidar com a desinformação compartilhada nas redes sociais. 

O curso é gratuito e qualquer pessoa que tenha uma conta no WhatsApp pode se inscrever. 

As inscrições podem ser feitas pelo site do Comprova ou em um único clique acessando este link e a qualquer momento, pelos próximos 12 meses. A partir da inscrição, e pelos 10 dias seguintes, os participantes receberão vídeos e mensagens de texto pelo aplicativo com instruções e técnicas simples para detectar conteúdos suspeitos e fazer verificações básicas. Essas lições diárias duram de 5 a 7 minutos. 

As aulas são conduzidas pelos jornalistas Lillian Witte Fibe e Boris Casoy, embaixadores do programa no Brasil. O conteúdo foi produzido em conjunto pelo MediaWise e pelo Projeto Comprova e é distribuído por WhatsApp a partir da plataforma Arist. Nos Estados Unidos, uma versão do curso foi conduzida por Christiane Amanpour, âncora da CNN Internacional, e Joan Lunden, ex-apresentadora do Good Morning America, da rede ABC.
Com o slogan “Não passe vergonha nos grupos – Aprenda a identificar boatos nas redes”, o minicurso ajudará esse público a entender como funcionam os algoritmos, como detectar golpes e teorias conspiratórias, ensinará a buscar fontes confiáveis e orientará os participantes sobre como falar com amigos e familiares para evitar a disseminação de conteúdos falsos e enganosos.

Para a presidente da Abraji, Natalia Mazotte, a educação midiática se tornou um foco de atuação relevante para a entidade. “A desinformação é pervasiva e atinge pessoas com diferentes níveis de letramento digital, gerando impactos negativos nas nossas relações e instituições. Estamos animados com a possibilidade de ajudar um público mais amplo a refletir sobre o seu consumo de informação digital”, diz. 

Alex Mahadevan, gerente do programa MediaWise, pontua que o programa já teve versões em espanhol, inglês e francês. “Tenho família do Brasil, com laços estreitos com o país. Por isso, essa parte da nossa expansão internacional me agrada muito. Estou entusiasmado por oferecer esse curso gratuito aos brasileiros, porque cidadãos, comunidades e países prosperam quando todos fazem a sua parte para promover a verdade”. 

O minicurso é apoiado pela Meta. 

“Nossa prioridade é contribuir para uma internet aberta, transparente e segura. A desinformação provoca o contrário”, afirma Murillo Laranjeira, diretor de Políticas Públicas da Meta no Brasil. “Por isso, ficamos tão felizes em apoiar um projeto educativo nessa área. Nosso objetivo é que esse programa tenha o maior impacto possível e que ajude a nossa comunidade a olhar para informação na internet com forte senso crítico.” 

Mais detalhes sobre o programa estão disponíveis aqui.

___

Sobre o Projeto Comprova 

O Projeto Comprova é uma iniciativa colaborativa e sem fins lucrativos criada em 2018 que reúne jornalistas de 40 veículos de comunicação brasileiros para descobrir e investigar informações suspeitas sobre políticas públicas, eleições presidenciais e a pandemia de covid-19 compartilhadas nas redes sociais ou por aplicativos de mensagens. O Comprova é liderado pela Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo – Abraji e financiado por Meta Journalism Project e Google News Initiative. 

Sobre o MediaWise 

MediaWise é uma iniciativa de alfabetização em mídia digital do Poynter Institute criada em 2018 para capacitar os cidadãos a encontrar fontes confiáveis e lidar com a grande quantidade de informações ao seu alcance. É uma organização apartidária e sem fins lucrativos que opera em cinco países, orientando as pessoas a distinguir o que é real e o que é ficção e fornecendo instrumentos para que todos possam fazer sua parte para reduzir o compartilhamento de desinformação e valorizar a verdade. 

Sobre o Poynter Institute 

O Poynter Institute for Media Studies é líder global em educação jornalística e um centro estratégico que reflete excelência no jornalismo, na mídia e no discurso público do século 21.

Os professores do Poynter promovem seminários e oficinas na sede do Instituto em São Petersburgo, Flórida, e em redações, conferências e organizações ao redor do mundo. Sua área de e-learning, a News University, oferece o maior currículo de jornalismo online do mundo, com centenas de cursos interativos e dezenas de milhares de usuários internacionais registrados. O site do Instituto promove cobertura 24 horas sobre mídia, ética, tecnologia e negócios em jornalismo. O Poynter é o lar do Centro Craig Newmark de Ética e Liderança, do PolitiFact (vencedor do Prêmio Pulitzer), da International Fact-Checking Network e do MediaWise, projeto de educação midiática digital para jovens, eleitores de primeira viagem e idosos. Os principais jornalistas e empreendedores da mídia do mundo confiam no Poynter para aprender e ensinar novas gerações de repórteres, designers, inovadores de mídia, infografistas, documentaristas e apresentadores. Esse trabalho promove consciência pública sobre jornalismo, mídia, a Primeira Emenda dos EUA e discursos que servem à democracia e ao bem público. Saiba mais em poynter.org.

MAIS INFORMAÇÕES: 

WhatsApp: (11) 97795-0022
Site: projetocomprova.com.br
E-mail: comprova@abraji.org.br
Facebook: facebook.com/ComprovaBR
Twitter: twitter.com/comprova
YouTube: youtube.com/comprova
Linkedin: linkedin.com/company/projetocomprova
Instagram: instagram.com/comprova/
Telegram: t.me/comprova