Tuesday, 28 de May de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1289

Carlos Franco

CRISE & DEMISSÕES

"?Gazeta Esportiva? circula pela última vez no dia 19", copyright O Estado de S. Paulo, 8/11/01

"A Fundação Cásper Líbero anunciou ontem que o jornal A Gazeta Esportiva chegará às bancas pela última vez no dia 19, encerrando um ciclo que teve início em 1928, quando o jornal A Gazeta passou a produzir um encarte esportivo. Fez tanto sucesso que, a partir de 10 de outubro de 1947, passou a circular separadamente com o título A Gazeta Esportiva. A partir do dia 20, segundo o comunicado oficial da Fundação Cásper Líbero, todo o conteúdo do jornal reforçará o site da fundação, absorvendo os 85 funcionários, a maioria jornalistas, que atuavam no veículo com tiragem da ordem de 40 mil exemplares.

A queda na receita publicitária foi um dos motivos da decisão da fundação, que optou por limitar-se à nota oficial, garantindo que não haverá demissões e que o site www.gazetaesportiva.net irá abrigar não só o conteúdo do jornal, como promoções esportivas.

Diario 16 – Na Espanha, circulou ontem pela última vez o Diario 16, um dos jornais simbólicos da luta pela democracia no país depois da ditadura de Franco. O periódico, que circulava há 25 anos, foi asfixiado por dificuldades econômicas. O Grupo Voz, que ultimamente editava o Diario, informou que o custo de mantê-lo em circulação poderia pôr em risco a sobrevivência da editora."

 

"Greve da ?Gazeta? não é abusiva, decide TRT", copyright Folha de S. Paulo, 9/11/01

"O TRT/SP (Tribunal Regional do Trabalho de São Paulo) considerou, por unanimidade, não-abusiva a greve dos jornalistas da ?Gazeta Mercantil?. Aos grevistas, a Justiça concedeu estabilidade de 60 dias e determinou o pagamento dos dias parados e das pendências trabalhistas em um prazo de 48 horas.

A decisão foi tomada ontem, em audiência pública. Se a ?Gazeta? não cumprir a decisão, sofrerá multa processual de 5% ao dia por empregado.

O TRT determinou o envio de um ofício à Caixa Econômica Federal para a fiscalização dos depósitos do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço). Com isso, os empregados voltam ao trabalho hoje. A greve durou pouco menos de três semanas.

A ?Gazeta Mercantil? confirmou o fechamento de sucursais no Brasil. A empresa manteve 8 de suas 17 regionais nacionais e internacionais.

 

***

"Redação da ?Gazeta? volta ao trabalho", copyright Folha de S. Paulo, 10/11/01

"Os jornalistas da ?Gazeta Mercantil? retornaram ao trabalho ontem, após três semanas de paralisação. A decisão foi tomada na quinta-feira, depois que a Justiça concluiu que a greve não era abusiva. O TRT/SP (Tribunal Regional do Trabalho) determinou ainda que a empresa pague os salários atrasados em 48 horas. Nas sucursais do Rio de Janeiro e Brasília, entretanto, os empregados ainda não voltaram ao trabalho. Isso porque não houve julgamento da paralisação em outros Estados. Na manhã de ontem, pouco antes de os funcionários voltarem ao trabalho, foi realizada uma manifestação com a presença de jornalistas e sindicalistas, em frente ao prédio da empresa."