Tuesday, 25 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1293

Foto adulterada causa demissão

MÍDIA & GUERRA

Uma foto publicada com destaque na primeira página do Los Angeles Times em 31/3 chamou a atenção de alguns leitores mais observadores. A imagem mostrava um soldado britânico em zona de batalha gesticulando para civis sentados. Dois dias depois, o jornal ? o quarto maior do país ? publicou uma nota do editor informando que o fotógrafo, desde 1998 do jornal, fora despedido por ter alterado eletronicamente a imagem.

Após a publicação, observou-se que alguns civis aparecem duas vezes na foto [veja imagens originais e a versão editada ao pé da notícia]. Questionado pela direção, Brian Walski, autor da foto (atualmente no Iraque), admitiu que a adulterou no computador, misturando duas imagens em uma. Segundo Michael J. McCarthy [Wall Street Journal, 2/4/03], o LA Times publicou na quarta-feira as duas fotos originais e a alterada.

Na nota, o jornal afirma que, devido à política interna que proíbe a alteração do conteúdo de uma foto noticiosa, Walski foi demitido.