Thursday, 29 de February de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1276

Perseguição na Guatemala

TELETIPO

A Sociedade Interamericana de Imprensa e a Associação Mundial de Jornais acusaram o presidente da Guatemala, Alfonso Portillo, de perseguir jornais que denunciam a corrupção em sua administração. Ele começou os ataques com retórica, afirmando na TV que determinados diários estariam conspirando contra o governo ? denúncia na qual, segundo pesquisa, 97% da população não acreditou. Depois, fiscais tributários foram ao jornal elPeriódico e seu editor foi acusado de sonegação. Em seguida, a Diarios Modernos, proprietária do jornal Nuestro Diario, teve de entrar na Justiça para evitar que auditores do governo levassem documentos de seus escritórios. As informações são da Editor & Publisher [14/2/03].

A Federação Internacional de Jornalistas [5/2/03] acusou o governo da Tunísia de violar de forma “intolerável” a liberdade de expressão e reclamou a libertação imediata dos jornalistas Zouhair Yahyaoui e Hamad Jebali. Yahyaoui foi condenado a dois anos de prisão em 2002 por causa de seu sítio TUNezine, em que colocava artigos de oposição. Ele foi torturado para fornecer a senha da página e, recentemente, fez greve de fome. Jebali foi preso em 1991 por editar o semanário Al Fajr, da organização islâmica proibida An Nahda. Ele foi condenado por diversas acusações e está atualmente em greve de fome. Teria sido torturado e, a exemplo de Yahyaoui, está em prisão superlotada.