Wednesday, 25 de May de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1188

Arquivos: OI na Rádio

Uma imagem reveladora

Enquanto o poder Executivo se recusa a colocar na pauta, mesmo em tese, a questão da concentração dos meios informativos, o cartel das empresas hegemônicas distorce de tal maneira as relações institucionais que já não é possível uma análise do conteúdo noticioso e opinativo da imprensa.

A ‘barriga’ intencional da ‘Folha’

O “furo” jornalístico é um troféu valioso demais para ser colocado em risco por um desmentido imediato na rede global de comunicação. Por isso, as redações dos melhores jornais do mundo investem em recursos para minimizar o risco das “barrigadas”.

A tese da ‘filantropia informativa’

Quais são as chances de a Sociedade Interamericana de Imprensa produzir um evento realmente transformador e capaz de reverter o cenário de crise que assombra as empresas tradicionais de jornalismo desde o advento da internet?

A quem interessa a intolerância

Não se pode dizer que a imprensa esteja interessada em desconstruir o Estatuto da Criança e do Adolescente ou que esteja vendida à indústria de armamentos, mas pode-se demonstrar que ela contribui para a ofensiva conservadora,

Os novos hábitos do leitor

Os brasileiros urbanos de renda alta lideram a crescente tendência mundial de migração para os meios digitais que produzem conteúdo jornalístico, em detrimento da mídia tradicional.

As novas aventuras da coluna Aécio

Os jornais de sexta-feira (19/6) tratam como saga a barafunda em que se meteram senadores brasileiros que tentavam intervir em problemas internos da Venezuela. Como se sabe, os parlamentares liderados pelo senador Aécio Neves, do PSDB, candidato derrotado à Presidência da República em 2014, voaram até a capital venezuelana mas não puderam sair da região […]

A contabilidade do golpe

A imprensa não pode ignorar o processo que corre no TCU. Mas é preciso destacar que nunca antes o tribunal tinha feito mais do que “ressalvas”, em vez de rejeitar as contas de um presidente.

A agenda do obscurantismo

Os jornais anunciam na quarta-feira (17/6) um acordo entre o presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e a liderança do PSDB, para aprovar uma nova versão do projeto de redução da maioridade penal. A proposta tem o apoio dos partidos Democratas, PSB, Solidariedade e siglas de menor expressão, compondo uma aliança que reúne as […]

Danos colaterais na guerra da mídia

Para dar curso às denúncias de tratamento privilegiado, os jornais deveriam ter enviado repórteres para conferir os resultados da política de exportação de serviços. Mas, como se sabe, não se trata de um debate racional.

A pauta de 140 caracteres

O jornalismo declaratório não exige nem mesmo que o repórter se coloque no caminho do declarante: o político que quiser mandar um recado simplesmente posta uma frase polêmica no Twitter e a imprensa faz o resto do trabalho.

Os atentados de todos os dias

O obituário dos jornais registra na sexta-feira (12/6) a morte do almirante Júlio de Sá Bierrenbach. A História registra o papel relevante que cumpriu, como ministro do Superior Tribunal Militar, por resistir ao arquivamento do processo sobre o atentado do Riocentro, ocorrido em 30 de abril de 1981. Ele foi também umas das fontes de […]

O reizinho mandão e os fariseus

O Globo traz como manchete na edição de quinta-feira (11/6), sobre fotografia da ministra Carmen Lúcia Antunes Rocha, a frase da relatora que definiu a votação da questão sobre biografias não autorizadas no Supremo Tribunal Federal: “Cala a boca já morreu”. O tema também abre as edições do Estado de S. Paulo e da Folha de S. Paulo. O Estado anuncia: “Por […]

A ‘pax midiática’ e a política sequestrada

Os jornais de terça-feira (9/6) registram um alívio da crise política que afetou a governabilidade do país nos primeiros meses do ano. O fato mais relevante para entender essa espécie de terceiro turno da disputa eleitoral de 2014 é o acordo na base governista, pelo qual o Partido dos Trabalhadores concordou em evitar críticas ao […]

Nenhuma estatística, muita opinião

O fim de semana mostrou novo esforço dos principais diários de circulação nacional para consolidar seu crescimento no mercado que sempre pertenceu às revistas de informação. Veja, Época e IstoÉ formam um trio de publicações previsíveis, com capas que poderiam compartilhar o mesmo logotipo, e CartaCapital se ressente do baixo poder de fogo para reportagens […]

A imprensa quer o colinho do Estado

O Globo aborda, na edição de sexta-feira (5/6), na sua editoria de Opinião, a questão da exigência do diploma específico para o exercício da profissão de jornalista. A posição do jornal (ver aqui), coincidente com a de todas as grandes empresas de comunicação do país, é a mesma que levou o Supremo Tribunal Federal a […]

Jornal para quem pode pagar

Congresso da Associação Mundial de Jornais e Editores, realizada nos últimos dias em Washington, termina com uma recomendação que representa uma espécie de rendição sem honra das empresas jornalísticas à nova realidade digital.

O perfume da discórdia

Uma campanha publicitária da rede de lojas O Boticário para o Dia dos Namorados causa enorme repercussão nas redes sociais há dez dias e ganha espaço nos principais jornais do país na quarta-feira (3/6). O filme “Casais” já teve mais de 1,15 milhão de visualizações no canal Youtube e gerou mais de 40 mil citações […]