Wednesday, 25 de May de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1188

O futuro da alimentação e a merenda no Distrito Federal

(Foto: Divulgação)

Entre os dias 24 e 26 de janeiro, o Unibes Cultural, em São Paulo, recebeu a terceira edição do seminário FRU.TO – Diálogos do Alimento, idealizado pelo chef Alex Atala e pelo pesquisador e produtor cultural Felipe Ribenboim. A pauta deste ano focou nas questões da água e da saúde. Alguns veículos – inclusive de Portugal – noticiaram o evento e repercutiram suas palestras:
– Gazeta do Povo (22/1): Água e alimentação saudável são foco de evento organizado por Alex Atala
– Vida Extra Expresso (23/1): Chef Alex Atala, o mais influente do Brasil, lança festival gastronómico dedicado aos problemas da alimentação no mundo
– Sapo Lifestyle (23/1): Do Brasil para Portugal, um seminário sobre alimentação mundial para acompanhar nos canais digitais
– Volta ao Mundo (23/1): Preocupações com o futuro da alimentação em debate em São Paulo
– Veja São Paulo (24/1): Seminário Fruto, de Alex Atala, discute nossa relação com o alimento
– Uol (24/1): Causa sem culpa
– Portal Uai, Territórios gastronômicos (25/1): Chef Alex Atala discute o futuro do alimento
– Globo Rural (26/1): Hambúrguer vegetal não é saída para diminuição do consumo de carne, defende professor da USP
As palestras dos seminários realizados em 2018 e 2019 podem ser vistas aqui.
Também em janeiro, o governo do Distrito Federal proibiu a inclusão de alimentos embutidos na merenda das escolas públicas:
– Correio Braziliense (6/1): Escolas públicas estão proibidas de servir alimentos embutidos nas merendas
– G1 (6/1): Lei sancionada no DF proíbe alimentos embutidos em merendas da rede pública de ensino
– GreenMe (9/1): Chega de carne embutida na merenda das escolas públicas do Distrito Federal
– Metrópoles (15/1): DF: após cortar embutidos, governo vai licitar merenda em escolas
No Nexo (25/1), por fim, a repórter Flávia Schiochet indica cinco livros que exploram a dimensão cultural da comida.