Monday, 22 de April de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1284

Artigos de Ali Kamel

Radiobrás e a guerra entre governismos

Em Brasília, 19 horas: a guerra entre a chapa-branca e o direito à informação no primeiro governo Lula, de Eugênio Bucci, 292 pp., Editora Record, Rio de Janeiro, 2008 Eugênio Bucci presidiu a Radiobrás do início do governo Lula até abril do ano passado, um período longo. Para fazer o balanço de seus anos à […]


Dias felizes para a imprensa

Foram 15 dias muito importantes para o Brasil. Não porque o STF acolheu a denúncia do Ministério Público contra os 40 acusados do mensalão. Mas porque o fez diante do povo, às luzes das câmaras de televisão, de forma técnica, independente, não se importando com o alarido normal de uma democracia. Para quem, erradamente, acreditava […]


Sonhos e pesadelos

No dia 9 de novembro de 2001, Osama bin Laden e outros de seu grupo visitaram um religioso muçulmano recém-chegado a Kandahar, então o centro de poder do regime Talibã. O Afeganistão já vinha sendo bombardeado pelos americanos desde 7 de outubro, 26 dias depois dos atentados de 11 de setembro. Os próprios terroristas registraram […]


A grande imprensa

A grande imprensa está sob ataque. Não do público, que continua considerando o jornalismo que aqui se produz como algo de extrema confiabilidade, conforme atestam pesquisas de opinião recentes. Os ataques vêm de setores autoritários e antidemocráticos, que diante do noticiário, sentem-se ameaçados. Esses setores consideram que só é notícia aquilo que, em nenhuma hipótese, […]


Jornalismo e objetividade

No meu artigo anterior [ver comentário em ‘Quando o óbvio não é óbvio para todos‘], defendi a idéia de que o jornalismo é uma forma de conhecimento, uma maneira de apreender a realidade. Afirmei que, diante de uma miríade de fatos, os jornais, seguindo um determinado método, são capazes de escolher o que é relevante. […]


TV Globo contesta CartaCapital

Leitor assíduo deste Observatório, um espaço plural e aberto a todas as discussões relativas ao jornalismo, pude acompanhar o debate envolvendo a matéria de capa da revista CartaCapital. Por esse motivo, gostaria de compartilhar com os leitores do OI a longa resposta que enviei à revista. Na semana passada, recebi de Maurício Dias um questionário […]


Menos, Dines, menos

Em relação a ‘ao que publiquei no Globo sobre o Opus Dei, gostaria que o Observatório de Imprensa esclarecesse os seguintes pontos a seus leitores: 1. Não é verdade que os artigos do professor Carlos Alberto Di Franco no Globo tenham deixado de ser semanais. Eles sempre foram mensais, conforme pode atestar o editor de […]


Ministério Público e a cobertura da TV Globo

Em ‘Verdades e mentiras sobre o MP de Ribeirão Preto’, artigo publicado na edição passada do Observatório da Imprensa [remissão abaixo], o repórter Evandro Spinelli, escreve:‘Mentiras ditas muitas vezes acabam se tornando verdade. A máxima atribuída ao ministro da Propaganda do nazismo Joseph Goebbels não é totalmente verdadeira no Brasil atual, onde a mentira dita […]


O caso dos cruzamentos e as razões do JN

No dia em que se descobriu que João Cláudio Genu, assessor do deputado José Janene, líder do PP, esteve na agência do Banco Rural, todos os jornais deram grande destaque. No dia em que se descobriu que o deputado José Borba, líder do PMDB, esteve no Banco Rural, todos os jornais deram grande destaque. No dia […]


Globo sobre o caso Proconsult

A TV Globo e O Globo jamais contrataram os serviços da Proconsult. Desde o dia da eleição, até o fim da apuração, O Globo deu manchetes atribuindo a vitória a Leonel Brizola. Jamais disse em manchete ou em título interno que Moreira Franco ganharia a eleição. A TV Globo previu a vitória de Brizola já […]


A razão do silêncio

Em relação ao texto de Daniella Wagner, ‘O silêncio da TV Globo’, publicado no último Observatório [remissão abaixo], esclareço o seguinte:.1. De fato, o programa Direito em debate, da TVE, exibido na quinta-feira, 17 de junho, tratou do brutal assassinato de nosso saudoso Tim Lopes. Não foi um programa qualquer. Havia até uma atriz, recitando […]


Em respeito ao repórter

Dois anos depois do assassinato de nosso saudoso Tim Lopes, ele não merecia ser usado em disputas eleitorais. O texto de Mário Augusto Jakobskind [veja remissão abaixo] mereceria apenas desprezo, mas, em respeito ao Tim, não posso deixar de voltar a prestar esclarecimento aos leitores deste Observatório. A essa altura da vida, de uma coisa […]


Balada para um repórter

Alessandro Porro não era um santo. Não mesmo. Cometeu muitos pecados, alguns jornalísticos. De alguns, envergonhava-se; de outros, tinha orgulho. Foi um sujeito polêmico. Errou, às vezes por omissão, às vezes por excesso. Irritou muita gente, talvez mais do que a média dos jornalistas costuma irritar. Fez muitos amigos, mas também muitos inimigos. Todos, de […]


Não se pode ignorar um negócio de R$ 80 bilhões

Caro Dines, Li e reli seu artigo sobre o tratamento que os jornais deram à privatização da Banda B. Fiquei bastante incomodado. O artigo, a meu ver, tem equívocos que, vindos de você, um profissional do primeiro time, têm efeitos bastante danosos, tanto para o público não jornalista como para os leitores especializados. De um […]