Sunday, 03 de March de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1277

Artigos de Faustino da Rocha Rodrigues

O discurso da vontade no cotidiano

Na página do G1 na internet, no domingo (26/4), uma notícia aparentemente bonita e estimulante: a de um vigilante noturno que, estudando madrugada adentro, conseguiu o título de doutor em Ciências Sociais. Definitivamente, José Itamar, o romantizado personagem da notícia, tem muitos méritos pelo esforço e dedicação quanto aos estudos. Teve vontade.


O imaginário infantil e o infantil imaginário

Aos 10 anos, vivi um momento trágico em minha vida. Como torcedor do Botafogo, vi a sua inconcebível derrota para um desacreditado Flamengo na final do Campeonato Brasileiro. Durante um período relativamente longo, o revés de 1992 soou como amargo e tingiu de gris os meus primeiros passos no futebol, desacreditando-me enquanto torcedor e tirando […]


Afogando-se no ‘selfie’

Recentemente, em uma exposição de fotografias de Henri Cartier-Bresson, li sua breve definição sobre o ofício do fotógrafo comparando-o com um caçador. Todavia, no entendimento de um dos maiores fotógrafos do século 20, não seria a imagem propriamente dita o objeto da caça, mas sim, todo um significado, o contexto capaz de ser trazido à […]


Em busca do instante perfeito

Ao olhar para o quadro “Automat”, de Edward Hopper (1882-1967), sou tomado pelo sentimento de solidão. A imagem da mulher em uma lanchonete, sozinha, com o olhar fixo em uma xícara de café, em contraste com a escuridão do exterior visualizada pela janela ao fundo, dimensiona a tristeza retratada pelo seu autor. O ambiente é […]


O brado de Marina

Recentemente, alguém me disse que Marina Silva despertou um novo entusiasmo na política brasileira e que estas eleições poderiam representar uma verdadeira transformação no panorama nacional. Era uma conversa informal, sem quaisquer pretensões, não devendo, portanto, despertar uma preocupação excessiva de minha parte. Mas, ao contrário, vi-me perguntar a mim mesmo: “O que significa Marina […]


O espasmo de Marina

Em artigo de minha autoria publicado neste Observatório (ver “O brado de Marina“), questionei a situação de Marina Silva (PSB) nas eleições presidenciais deste ano. O norte da argumentação remetia às manifestações de junho de 2013, levando em conta que tais manifestações, de alguma forma, representaram mais gritos da sociedade brasileira do que efetivamente uma […]