Thursday, 20 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1292

Artigos de José Carlos Aragão

A opinião do jornalista é importante?

Outro dia, numa rede social, alguém postou: “Quando leio um jornal, não quero saber a opinião do jornalista: só quero saber da notícia.” Rebati no ato: “Ao contrário, eu quero, sim, saber a opinião do jornalista!” E de outras pessoas. E a notícia também, por que não? É que a minha opinião só se forma […]


Clichê, o highlander de todas as mídias

Parafraseando alguém que não me lembro quem (talvez Guimarães Rosa; ou, talvez, apenas um dito popular), coisa que não acaba no jornalismo é clichê e texto ruim. (No original, “coisa que não acaba nesse mundo, é gente ruim e toco de pau” – acho que é isso.) Velho primo-irmão dos tipos móveis de Gutemberg, o […]


‘A presidenta Dilma – quer dizer:…’

Em jornalismo, entendo que o texto falado deve merecer de seu autor o mesmo zelo que recebe o texto escrito. Concisão, clareza, precisão são recomendáveis a um e a outro. Dar a informação precisa, escolher a palavra exata, concluir uma frase: todo jornalista deve se empenhar nisso.Não é o que vejo ocorrer com um comentarista […]


Trocadilhos e metáforas a caminho do pódio

Mal começou o Pan-Americano 2007 e já podemos ver que a transmissão ou cobertura do evento, vez por outra pisa na bola – com o perdão do trocadilho.A propósito, é justamente o trocadilho um dos fortes candidatos à estrela do jornalismo nesse Pan, dando continuidade a uma tendência que já vem de outras Copas do […]


Carnaval globeleza é para inglês ver

Não sou folião e, por isso, corro o risco de parecer um chato. Mas acho que a mídia nacional – as redes de TV, em particular – está sofrendo de algum tipo de miopia na cobertura que dá aos desfiles das escolas de samba cariocas (e, mais recentemente, paulistas também) e dos desfiles dos trios […]


Para dar uma mãozinha à indignação

Nesta manhã, em que minha caixa postal é invadida por mensagens que retratam uma indignação em massa diante de um crime bárbaro – a morte de uma criança arrastada por assaltantes pelas ruas do Rio de Janeiro – não posso deixar de analisar, mais uma vez, a responsabilidade do jornalista e, especialmente, da mídia enquanto […]


Caravana JN, pauteira da campanha

Todo mundo sabe: falar de estrada esburacada, no Brasil, é chover no molhado. Afinal, historicamente, temos o quilômetro de asfalto mais caro que se conhece, por conta de inúmeros desvios no caminho – das verbas, claro. Mesmo sabendo da roubalheira, ninguém jamais se dispôs, de verdade, a acabar com ela. Criticar governos por conta da […]


O circo mambembe da notícia

A Caravana do Jornal Nacional percorre o Brasil com a pretensa justificativa de levar ao telejornal de horário nobre as aspirações e expectativas do povo brasileiro, às vésperas de novas eleições. No fundo, nada que uma boa reportagem não pudesse fazer. E melhor.Correspondentes internacionais da própria emissora têm feito muito mais, com muito menos aparato […]


‘O tempo passa, o tempo voa…’

Uma acidental lembrança do saudoso jingle da já extinta Poupança Bamerindus me alerta para a dura constatação de que os tempos são outros. Para todo mundo, claro, mas como quero destacar aqui, em particular, para a propaganda. É que eu sou de um tempo em que agência de propaganda não anunciava a si própria. Não […]


Nem tudo o que é bom para eles é bom para nós

De uma entrevista publicada no Jornal do Brasil (26/7/04):‘Diante da perspectiva de viver longe da Globo, ele [o ator, diretor e produtor Daniel Filho] começou a investir também em teatro. ‘Já comprei os direitos sobre duas peças americanas’, avisa.’Parece que a dramaturgia brasileira não está com nada, realmente. Tirando os chamados ‘processos colaborativos’, que parecem […]


Nem tudo é baixaria

Programas de auditório – fórmula herdada e adaptada dos tempos áureos do rádio brasileiro – sempre fizeram sucesso na nossa TV . Com formatos pouco variados entre si e comandados por nomes que se consagrariam ao longo de décadas, como Aírton e Lolita Rodrigues, Aérton Perlingeiro, Flávio Cavalcanti, Chacrinha, Bolinha, Hebe Camargo, Sílvio Santos, Raul […]


O cidadão sitiado

Não há como fugir: o Big Brother está de olho em você. Na tevê, nas revistas, nos jornais, no seu site favorito, nas conversas de botequim, na escola, nas reuniões de família. Se bobear, até em seus sonhos, enquanto você dorme.Mesmo sem querer, você é bombardeado por informações diárias (ou seriam horárias?) sobre os complôs […]