Sunday, 03 de July de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1194

Artigos de José Isaías Venera

Jornalismo como dispositivo de poder

Seria possível substituir Os pássaros (1963), de Alfred Hitchcock, por uma espécie bem brasileira de ave? Para isso, teríamos que descobrir sob qual superego essa espécie de ave viria assombrar o campo simbólico de um novo personagem, tal qual a jovem do filme que se apaixona por um homem que vive debaixo das saias da […]


Entre a catarse fascista e o exibicionismo

O engano faz parte da estrutura da percepção da realidade. Não é por acaso que o discurso publicitário está no centro da sociedade de consumo. Imaginem uma peça publicitária de uma marca de cigarros que descrevesse todos os componentes que contém no produto? Ao contrário, é uma vida de realizações que é associada ao produto. […]


Cinismo na campanha contra as cotas raciais

“Hoje, o apocalipse está próximo em muitos níveis: ecológico, saturação de informações… As coisas estão se aproximando de um ponto zero, o fim dos tempos se aproxima” […] (Slavoj Zizek, A monstruosidade de Cristo) Uma imagem de uma mulher negra e sobre seu peito a afirmação: “A Folha é contra as cotas raciais. Eu também”. […]


A polêmica do anúncio de clube de ‘striptease’

The Gang’s All Here, de 1943, do cineasta Busby Berkeley, é uma referência escandalosa de invenção de uma terra exótica consolidando um erotismo implícito na feminidade latina, combananas com quase dois metros e morangos gigantes que ostentam de forma fálica uma “passarela de desejos” (expressão de Baxter Philips), como observou Theodoro Robert Young, da universidade […]


Os rolezinhos causam vertigem na mídia

Milan Kundera, em A insustentável leveza do ser, talvez tenha sido quem melhor descreveu a sensação de vertigem como uma realidade social, ainda nos anos 1980, quando o debate sobre pós-modernidade mal tinha iniciado. “O que é vertigem? Medo de cair? Mas por que temos vertigem num mirante cercado por uma balaustrada sólida? Vertigem não […]


A hipótese do Outro regulando a renúncia

“Bento 16 renuncia”. A manchete de capa do caderno especial da Folha de S.Paulo (12/02) é ilustrada por uma imagem de uma cadeira papal vazia com um fundo negro. Nas páginas internas do caderno, uma foto se destaca, não pelo tamanho, mas pelo campo imaginário que ela suscita. A legenda da imagem a descreve: “Raio […]


Acontecimentos midiáticos e as sombras do nosso tempo

Atentados de 11 de setembro de 2001. Invasão no Afeganistão pelos EUA (2001-2002). Lula vence as eleições (2002). Guerra no Iraque (2003). Morte de João Paulo II (2005). Tensões na Faixa de Gaza (2008-2009). Morte de Michel Jackson (2009). Dilma é eleita primeira presidente mulher do país (2010). Massacres, entre eles em Realengo, em 2011. […]


O julgamento do século ou as vísceras da imprensa

“O julgamento do século”. Assim, a revista IstoÉ (20/6) qualificou o julgamento dos envolvidos do chamado mensalão, com destaque para o ex-ministro José Dirceu, que acontecerá em agosto próximo. A frase aparece num pequeno selo na abertura da reportagem de capa, mas é nos detalhes, como diria Freud, que um outro conteúdo mostra suas pontas. […]


Os sintomas de uma sociedade do olhar

A décima segunda edição do Big Brother Brasil nos força a pensar no olhar como sintoma do telespectador. Como se o objeto observado (a cena) devolvesse o olhar e mostrasse que ele é apenas uma metonímia (apenas outra forma) que expressa o próprio desejo do telespectador. O desejo (cujo conteúdo é da ordem do inconsciente) […]