Monday, 15 de April de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1283

Artigos de Washington Araujo

O que as revistas poderiam aprender com Sweig

Basta um rápido giro pelo que é notícia para se ter ideia da falta que faz um jornalismo minimamente decente, conectado com a realidade, desses que preza o respeito à sua essência, a busca da verdade. Porta-vozes de realidade enviesada, atravessada e atravancada é o que nos vem à mente quando folheamos rapidamente em banca […]


Sob os olhos do mundo

  É grande o impasse em que se encontram o Reino Unido – que ameaça pisotear a Convenção de Viena, que trata do direito semissagrado do asilo por motivação política – e a figura emblemática de Julian Assange, o mais renomado enfant terrible dos últimos decênios, somente igualável em apelo midiático a ícones da contracultura […]


A crônica de uma injustiça

  No cipoal de delitos, ilicitudes e crimes sob julgamento no Supremo Tribunal Federal, objeto da Ação Penal 470 – afetivamente distinguida pela imprensa como mensalão –, a sua maior parte não resiste a uma simples busca por provas e evidências que façam jus ao estardalhaço com que o assunto vem manipulando corações e mentes, […]


Medalhas que a imprensa não ganhou

  Em tempo de Jogos Olímpicos somos tentados a pensar nosso ofício sob outros ângulos. E se, ao invés de jogos, alguns milenares como a maratona e o arremesso de martelo, e outros modernos como o basquete e o nado sincronizado, tivéssemos modalidades relacionadas com… a busca da verdade, com o fazer jornalístico? Qual meio […]


A imprensa seletiva

  A imprensa brasileira pode ser acusada de tudo, menos de não ser seletiva. O cardápio de notícias apresentado diariamente à sociedade brasileira também pode ser recriminado por tudo, menos pela repetição do prato principal. Refiro-me à Ação Penal 470, no linguajar jurídico, e ao mensalão, no linguajar dos jornalões. A depender da grande imprensa, […]


O STF na encruzilhada

  Nunca houve um processo como o mensalão. Seria um bom nome de filme, ainda a escolher o gênero. Se considerado algo sério, seria documentário político, a exemplo do clássico Z, do grego Costa-Gavras; se considerado comédia, poderia ser um flagrante dos costumes políticos do Brasil: acusações de uso de caixa 2 em campanhas políticas, […]


Em defesa do corporativismo

  A imprensa tem longa experiência na cobertura de Comissões Parlamentares de Inquérito. Em temporada de CPI é patente o manancial (pensei em escrever cachoeira) de informações a preencherem páginas de jornais e revistas, em casos que a imprensa elege como “por demais clamorosos”; cadernos especiais são criados, assim como é inventada uma logomarca. O […]


Sem interesse pelos escândalos

  Tempos estranhos esses em que vivemos. Com uma imprensa sempre ávida por escândalos de corrupção, roubalheira e malfeitos, eis que temos a principal revista semanal de informações, Veja, editada pelo Grupo Abril, abordando como principal tema de capa de suas quatro últimas edições assuntos no mínimo amenos, para não dizer insossos do ponto de […]


Palavras acima de qualquer suspeita

  As palavras são veículo do pensamento humano e também fonte de profundo desentendimento entre humanos. É uma dessas contradições paralisantes. Mas não se inventou ainda nada mais poderoso do que a força da palavra – seja escrita, falada, imagética. E é assim desde os primeiros entalhes rupestres de milhões de anos passados, em obscuras […]


O reino da mediocridade

  O que está acontecendo com nossos fins de semana? Temos a semana para ganhar o sustento pessoal e familiar, trabalhamos o horário nobre dos dias: todas aquelas horas em que o sol está firme no horizonte. Os restos do dia são dedicados ao repouso, tão necessário para refazer as energias a serem canalizadas para […]


Israel e Irã, um rastilho de pólvora

  Um dos mais emblemáticos eventos da atualidade está para tomar lugar na cena mundial, mas independente de seu escopo e graves consequências as editorias de Internacional de nossos jornais parecem optar por, como dizemos, comer mosca. Refiro-me à escalada do esforço de guerra a envolver o Irã, Israel e, de quebra, as nações mais […]


Repórteres sem Fronteiras e seu estranho relatório

  Na semana passada, a International News Safety Institute (Insi) colocou o Brasil como o 8º país mais perigoso no mundo para o trabalho da imprensa. Na quarta-feira (25/1) encontro publicado no site do jornal Estado de S.Paulo que o Brasil fica em 99º no ranking sobre liberdade de imprensa. E vai além: o país […]


Cabeças vazias, corpos sarados e comportamentos patéticos

Não demorou muito e o BBB é caso de polícia. Mais, é caso de estupro. Mais, é caso do habitual descaso com que a programação da tevê aberta brasileira é tratada tanto pela sociedade quanto pelas instâncias governamentais. A 12ª edição de um dos programas mais fúteis dentre a enormidade de produção de lixo televisivo […]


Outro ano que não terminou

Nunca houve um ano tão – vamos dizer – dramático para a imprensa mundial como este que tem as horas contadas. Janeiro de 2011 viu o poderio das mídias sociais a serviço da liberdade e dando um basta à opressão e às diversas formas de tirania em países como o Egito, a Tunísia, a Líbia, […]


O obituário em vida

O programa Fantástico produzido pela TV Globo e exibido no domingo (4/12) fez jus ao título, e com todas as letras: f-a-n-t-á-s-t-i-c-o. Assisti partes e pareceu que estava assistindo a todo o programa. Reconheço que continuei com a má impressão e o pé atrás que sempre tive em relação a essa produção global. Uma espécie […]


O valor da informação

Perguntar se os jornais e outros meios de informação impressos estão com os dias contados ante a onipresença dos meios virtuais – web, internet – virou lugar-comum. E não falta quem se disponha a marcar uma data: os jornais estão em processo de desaparecimento acelerado, coisa de mais 5 a 10 anos, e não passa […]


A revolução do jornalismo

Alguém aqui já participou de alguma revolução? Alguém desceu, com Camilo Cienfuegos e Vilma Espín, a Sierra Maestra para tomar o poder do ditador Fulgêncio Batista, em Cuba? Alguém esteve no Vietnã, no início dos anos 1960? Alguém ainda lembra daquele arremedo de revolução dos jovens de 1968, armando barricadas que iam do Quartier Latin, […]


Cobertura solidária. E cínica

Quando a divulgação de que um ex-presidente da República sofre de um câncer passa a ocupar desmesurado espaço na imprensa escrita, radiofônica, televisiva e virtual (web) é robusto sinal de que algo vai mal – muito mal – na nossa conhecida atividade jornalística. E é isso o que está acontecendo desde que o ex-presidente Luiz […]


A tecnologia do sonho

Estava conectado. Tinha na mão o iPhone 4. E então escutei William Bonner, no Jornal Nacional (quarta, 5/10), anunciando, em não mais que dez dramáticos segundos, a morte de Steve Jobs. Naquele momento tive a nítida sensação de que uma parte de nosso futuro comum havia sido arrancada de nós. Ex-hippie, membro daquela geração que […]


O tribunal midiático

Espanto, perplexidade, surpresa. Alguém em sã consciência poderia dizer que teve uma destas reações ao deparar com a capa da revista Veja (nº 2232, de 31/8/2011)? Só se for a de um brasileiro residindo em Berlim ou em Nairobi. Veja pode ser acusada de práticas jornalísticas pouco usuais, politicamente destemperada, editorialmente desequilibrada, mas não pode […]