Monday, 24 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1293

Baluarte do corporativismo

O site do Observatório da Imprensa passa por uma reforma. O design atual da área de blogs faz com que pequenos itens fiquem perdidos na página. Por isso reúno aqui mais de um tópico.



Baluarte do corporativismo


A PM de São Paulo deu ontem mais um espetáculo de corporativismo. O porta-voz da insatisfação dos coronéis com a nomeação de uma mulher para a Casa Militar do governo foi o deputado estadual Afanasio Jazadji, que fez carreira com programas policialescos no rádio. Outro que se manifestou foi o deputado estadual e coronel da reserva da PM Ubiratan Guimarães, o do Carandiru.


Nação com poucos livros


Enquanto se sucedem reportagens estereotipadas, cheias de boa vontade mas pouco críticas, sobre a Bienal do Livro de São Paulo, a revista The Economist informa que os brasileiros compraram menos livros em 2004 do que em 1991. Nesse período a população passou de 147 milhões para 185 milhões de habitantes. A revista cita uma pesquisa recente sobre hábitos de leitura em que o Brasil aparece em 27° lugar numa lista de trinta países. Segundo a pesquisa, os brasileiros passam na média cinco horas e quinze minutos por semana lendo. The Economist opina: “Ao lado da criminalidade e das altas taxas de juros, isso deveria ser motivo de vergonha nacional”.