Thursday, 20 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1292

Febem em destaque

Para quem andou acusando indiscriminadamente a imprensa de poupar no noticiário a administração do governador tucano Geraldo Alckmin, como fez o PT paulista em seu programa de propaganda obrigatória na segunda-feira, o desmentido está há dois dias no destaque dado a uma rebelião de internos da Febem no bairro paulistano do Tatuapé. Tanto o Estado de S. Paulo como a Folha deram chamadas na primeira página, ontem e hoje.


Ontem, a Rádio CBN deu voz à presidente da Associação de Mães e Amigos dos Adolescentes em Risco (Amar), Conceição Paganelle, para se defender da acusação, feita pouco antes na mesma CBN pelo governador Alckmin, de que provoca rebeliões em unidades da Febem. Paganelle disse primeiro que a rebelião decorreu do descontentamento dos internos, depois que a rebelião foi provocada por funcionários descontentes com a gestão da nova presidente da Febem, Berenice Gianella. A presidente da Amar negou ter motivação política. Ela foi ouvida também no SP-TV da Rede Globo.