Thursday, 20 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1292

Os espertos e os fanáticos

Aonde a coisa (não?) vai parar: noticia-se no site de press-releases da PRWeb que a empresa MetroSpy joga querosene no fogo com a venda de provocativas camisetas onde está estampada a charge que deu origem à onda de protestos violentos de muçulmanos.


Nate Thomas, gerente de produtos da MetroSpy, que trabalha na faixa do extremismo de direita, usa a seguinte retórica para defender a (aparentemente lucrativa) provocação:


“Não podemos deixar que os terroristas vençam. Não podemos estimular esse comportamento incivilizado cedendo a seus intentos’.