Wednesday, 24 de July de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1297

Continua, com aperfeiçoamentos

PROVÃO

Victor Gentilli

O novo ministro Cristovam Buarque conseguiu surpreender a todos. Defensores e críticos do Provão davam como certo que o exame seria, senão extinto, alterado profundamente.

Em 2003, o Provão deverá continuar já com algumas modificações. A mais importante é a participação de estudantes nas Comissões de Cursos. Conforme comunicado do diretor de Avaliação do Inep, em audiência com o ministro no dia 8, ficou acertado que o Provão não sofreria descontinuidade, mas que caberia já a inclusão de estudantes nas Comissões de Cursos.

Em entrevista ao O Estado de S. Paulo (10/1/03), o ministro foi mais além. Por enquanto, garante que o sistema de avaliação do ensino superior não pode parar, que pensa em novas formas de avaliação, mas que o Provão não deve ser extinto.