Saturday, 02 de July de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1194

Edição: 840

A imprensa bate panelas

Os jornais de segunda-feira (9/3) fornecem um material precioso para a análise do processo que vimos observando, cuja principal característica é uma ruptura entre o chamado ecossistema midiático e o mundo real. O noticiário e os penduricalhos de opiniões que tentam lhe dar sustentação têm como fato gerador o pronunciamento da presidente da República em […]

Esperando Zavascki. E o PMDB

O suspense desta vez já não poderia ser atribuído ao prudente procurador-geral da República, Rodrigo Janot, mas ao rigoroso ministro do Supremo Tribunal Federal, relator da Operação Lava Jato que recebeu na terça-feira (3/3) as cinco caixas com os 28 pedidos de abertura de inquérito. Aceitos, perdem o lacre de sigilo e os nomes neles […]

Desafiando a Constituição de 88

Em outubro de 1993, apenas quatro meses após a aprovação da Lei Orgânica do Distrito Federal (LODF), o deputado distrital Wasny de Roure apresentou o projeto de lei 1110/93 à Câmara Legislativa do Distrito Federal (CLDF) propondo a criação do Conselho de Comunicação Social (CCS-DF) previsto em seu artigo 261 para “assessorar o Poder Executivo […]

O estranho mundo dos midiotas

Se você lê jornais e assiste ao noticiário televisivo, e além disso leva em conta os comentários dos especialistas em generalidades que proliferam nas emissoras de rádio e acompanha sofregamente tudo que circula nas redes sociais digitais, pode estar certo de que você está incurso no arco de seres humanos que estão sendo estudados pelos […]

Os jornalistas se organizam

Um coletivo de jornalistas brasileiros que se empenha em discutir, de forma organizada, o futuro da profissão, colocou em pauta, no Facebook, o projeto de construção de um Conselho Profissional de Jornalistas do Brasil. O tema começou a ser trabalhado em abril de 2013, inicialmente por um pequeno grupo, e se expandiu neste ano, chegando […]

Rio, encantos e encruzilhadas

Nasceu “maravilhosa”, muito antes do hino composto em 1935. A fama, como sempre, foi também uma maldição: se a cidade é maravilhosa não precisa ser preservada nem cuidada. Bastava o título e os privilégios de Capital Federal. Despojada deles em 1960, o Rio de Janeiro perdeu todos os protagonismos: o centro econômico foi definitivamente arrebatado […]

O fim da cultura

A leitura dos jornais e revistas no fim de semana pode levar a uma constatação espantosa: a de que a principal característica da cultura de massas, neste início de século, é o triunfo da representação sobre a realidade. A grande massa dos seres humanos, principalmente aqueles que têm acesso ao sistema da mídia e aceitam […]

Grupo Mirror realizou escutas ilegais em escala industrial

Um segundo escândalo envolvendo grampos telefônicos faz o caso do tabloide News of the World parecer brincadeira de criança. Descobriu-se que os títulos Daily Mirror, Sunday Mirror e Sunday People – todos de propriedade do grupo Mirror Group Newspapers, maior editora de jornais do Reino Unido – realizaram, durante dez anos, escutas telefônicas ilegais numa escala que […]

A febre dos aplicativos

Você acorda e consulta o celular para saber a previsão do tempo. No café da manhã, sem desgrudar os olhos do smartphone, mastiga o pão na companhia dos amigos no Facebook, dá uma passada de olhos no WhatsApp ou Snapchat, “curte” fotos no Instagram e lê notícias selecionadas no Feedly. Quando volta da corrida matinal, […]

Uma imagem reveladora

Repercutiu em colunas de jornais a capa da revista The Economist em que o Brasil aparece retratado por meio de uma sambista que se debate num lodaçal. Imagens geralmente inscrevem mais do que escrevem, o que implica ambiguidades de sentido e possíveis interpretações diferentes. The Economist é uma revista semanal que se anuncia como guia […]

A importância da criptografia para o trabalho jornalístico

A criptografia digital pode parecer um tema menor num debate internacional. Entretanto, nos últimos meses o primeiro-ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, o diretor do FBI James Comey, o diretor da Agência de Segurança Nacional [NSA, na sigla em inglês] Mike Rogers e o presidente Barack Obama avaliaram a possibilidade de uma ampla disseminação da tecnologia […]

O fim dos blogs

Os blogs estão acabando. Se não isso, estão descobrindo seu real tamanho. E ele é pequeno. O marco principal desta mudança que ocorre em silêncio, na internet, é a decisão tomada pelo jornalista Andrew Sullivan de encerrar as atividades, após quinze anos, de seu Daily Dish. O outro forte indício é o de que blogs […]

‘Birdman’ e a redenção

O diretor mexicano Alejandro Iñarritu tem no currículo filmes fortes e transgressores, como Amores brutos (2000) e 21 gramas (2003). Mas é com Birdman (2014) que o cineasta tem alcançado maior notoriedade. Com nove indicações ao Oscar, o filme ganhou em quatro categorias – fotografia, roteiro, diretor e filme –, sagrando-se o grande vencedor da […]

O silêncio da mídia

O HSBC é um gigante do mercando financeiro mundial, com 254 mil funcionários em 6.200 escritórios e agências em 129 países, somando mais de 52 milhões de clientes no mundo inteiro. No ranking de 2014 da revista inglesa The Banker, o HSBC, com sede em Londres, aparece como a segunda marca bancária mais valiosa do […]

Lei antiterrorismo amplia poder de vigilância do governo

Um novo projeto de lei antiterrorismo chinês preocupa executivos de companhias de tecnologia americanas. Caso seja aprovada, a lei obrigará que empresas de tecnologia que atuam em solo chinês entreguem ao governo as chaves de encriptação, abriguem seus servidores de dados no país e removam qualquer conteúdo que as autoridades considerem como possível apoio a […]

A perigosa agenda digital chinesa

Quando ações da Alibaba, gigantesca companhia chinesa de e­commerce, começaram a ser negociadas na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE) no fim do ano passado, a empresa tornou­se, de um dia para outro, a 17ª maior empresa de capital aberto no mundo, com uma capitalização de mercado de US$ 230 bilhões – maior que […]

A contínua obscuridade dos interesses

A imprensa hegemônica brasileira não favorece o debate. Amealha um punhado de intrigas políticas fundadas em interesses que as próprias organizações de comunicação insistem em esconder das suas redações. Publica-se o que deve ser publicado e ponto final. Das análises de sua mortificada ética e credibilidade não sobra um traço perfeito da verdade dos fatos, […]