Saturday, 13 de July de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1296

“A que horas ela volta?”

Sonhando com um Oscar para o Brasil

Costumo reafirmar que sou fã do cinema brasileiro. Do cinema autoral brasileiro. Ainda que pese o estereótipo da pornochanchada e a falta da qualidade técnica que marcou a produção dos anos 70 e 80, o Brasil sempre produziu filmes criativos, com ousadia estética e ética e apuro artístico e narrativo. Trata-se de um cinema diverso, […]

A piscina que liberta e aprisiona

Se é que já esteve em voga, o senso crítico no Brasil, de algumas décadas para cá, parece ter caído ainda mais em desuso. Quando a desigualdade econômica entre as classes era mais gritante, paradoxalmente talvez houvesse uma maior tolerância à convivência entre as diferentes camadas sociais. Seja como for, a polarização era explicitada e, […]