Friday, 23 de February de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1276

papel da imprensa

O ‘anti-Brasil’!

O jornalista e dramaturgo Nelson Rodrigues cunhou a expressão ‘anti-Brasil’, quando integrantes do grupo paramilitar Comando de Caça aos Comunistas invadiram os camarins do espetáculo Roda Viva — de autoria de Chico Buarque e encenado pelo diretor José Celso Martinez Corrêa —, destruindo cenários e agredindo atores e atrizes. Era janeiro de 1968, ano do […]

O impeachment como resultado da exclusão informativa

O presente artigo tem como tema o papel desempenhado pelos meios de comunicação, notadamente a imprensa, no processo que culminou com a destituição da presidente Dilma Rousseff do cargo, em agosto de 2016. O referido processo, admitido inicialmente na Câmara, em rito previsto pela Constituição e regulamentado pelo Supremo Tribunal Federal, em abril daquele ano, […]

Algumas dúvidas sobre o papel da imprensa

A imprensa está vigilante e atenta às conquistas da liberdade de expressão, ao direito de resposta e ao direito do cidadão conhecer a verdade. A imprensa (democracia crítica) “acredita ser possível o melhor e que os limites que ela postula valem para garantir a possibilidade de procurá-lo constantemente” (Gustavo Zagrebelsky). Com esse propósito, aproveito a […]

Caça às bruxas

No domingo, 1º de maio, um ensolarado e melancólico Dia do Trabalhador, o Theatro Municipal de São Paulo exibia sua nova montagem de La Bohème, a ópera proletária de Giacomo Puccini. No intervalo após o segundo ato, duas elegantes senhoras aproximaram-se da janela do balcão nobre, de onde ecoava o som da multidão reunida no […]

Imprensa: poder fiscal ou de oposição?

Certa vez, palestra, ‘tava quietinho, no meu cantinho de auditório, quase no fundão. Mas, uma frase do conferencista me tirou da semi sonolência: “Imprensa é oposição, o resto, secos e molhados”. Cutuquei algum recanto da memória e me lembrei que a sentença não era original. Pareceu-me que nos tempos da ditadura militar mais recente, Millor […]

Clichês e maniqueísmos

Nos últimos dias, o planeta foi surpreendido por ataques terroristas realizados no Líbano, no Iraque e na França. Na quinta-feira (12/11), um duplo atentado suicida contra um reduto do Hezbollah deixou quarenta pessoas mortas e vinte feridas na periferia sul de Beirute, capital libanesa. Não bastasse esta triste notícia, no dia seguinte, sexta-feira (13/11), considerada […]

Emoções a venda

O mundo ficou chocado diante dos atentados na França. A imprensa repercutiu amplamente. O Jornal Nacional não citou a Lava Jato. William Waack, no Jornal da Globo, pela primeira vez no ano não criticou o PT ou o governo. O Facebook se coloriu e a comoção foi geral. O rompimento da barragem de Mariana e […]

A orfandade informativa das vítimas da avalanche

Estivéssemos falando em termos literários, o que os jornais fazem ao cobrir as mortes decorrentes da tragédia em Minas Gerais não passaria de eufemismo. Mas como o assunto é jornalismo, os termos que devemos esperar, imprescindivelmente, giram entorno de negligência e responsabilidade, ou até mesmo crime. Coisa que a imprensa em geral (entenda-se, os jornais […]