Sunday, 03 de July de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1194

Artigos de José Marques de Melo

O amadurecimento do método

Texto publicado originalmente em 24/07/2007 na edição 443 do Observatório da Imprensa e republicado nesta edição em homenagem ao pesquisador e jornalista José Marques de Melo morto no último dia 20 de junho. O Jornalismo percorreu três fases distintas, enquanto objeto de estudo, na sociedade brasileira. [O conceito de Jornalismo aqui empregado é aquele explicitado […]


Para compreender o fenômeno

As efemérides ensejam boas oportunidades para a revisão crítica dos processos históricos, além, naturalmente, das celebrações festivas que fortalecem a auto-estima dos protagonistas desses eventos. Este tem sido o caso do aniversário da televisão na América Latina, comemorado no Brasil, com pompa e circunstância, no dia 18 de setembro de 2010.Vários livros, ensaios e artigos […]


Dois pilares da sociedade democrática

Na sexta-feira (18/9), às 15 horas, o ministro da Educação Fernando Haddad vai receber, em seu gabinete no edifício-sede do MEC, em Brasília, o relatório da comissão nomeada, no dia 19 de fevereiro deste ano, para rever as diretrizes curriculares do curso de jornalismo.Trata-se de documento emblemático, que mobilizou a categoria dos jornalistas, no último […]


Os caminhos essenciais

Por mérito próprio e reconhecimento coletivo, Sérgio Mattos ocupa, hoje, o posto de historiador principal da nossa televisão. Seu percurso inicial é demarcado pela tese de mestrado sobre o impacto do golpe militar de 1964 em nossa televisão (1980). Publicado em inglês, esse trabalho foi considerada por Emile McAnany um ‘modelo para a pesquisa em […]


Uma escola sem paredes

Desde sua fundação, há dez anos, o canal Futura vem se afirmando como autêntica ‘escola sem paredes’, desempenhando função pedagógica nunca imaginada pelos pioneiros da nossa televisão educativa, como Gilson Amado, Alfredina de Paiva e Souza ou Marilia Antunes Alves, além de protagonizar uma missão cultural, bem na linha do que desejavam Roquette Pinto (para […]


Narrativa política sobre a evolução do campo

Desde a antiguidade greco-romana, os processos de comunicação fazem parte do saber institucionalizado. Desbravaram este campo do conhecimento pioneiros, como Aristóteles e Quintiliano. Suas reflexões tiveram continuidade nas sociedades nacionais européias, merecendo registro no mapa cognitivo esboçado na Encyclopédie, por Diderot e d´Alembert (século 18).Embora os estudos sobre fenômenos midiáticos tenham suscitado precoce interesse acadêmico […]


Ensaios sobre fenômenos comunicacionais

O Piauí ingressou tardiamente na era das ciências da comunicação. Faz parte dos segmentos do território nacional cujas universidades, somente no final do século 20, abriram suas portas ao ensino e à pesquisa dos fenômenos midiáticos. Mas é impressionante como aquela unidade da federação, se comparada às que a precederam imediatamente, vem ganhando notoriedade pela […]


A apropriação da realidade

O chileno Camilo Taufic (1973), o brasileiro Adelmo Genro Filho (1987) e o cubano José Benitez (1989) formam a tríade latino-americana que fez aproximação relevante ao estudo do Jornalismo, valendo-se do referencial teórico construído pelo marxismo-leninismo.Enquanto Genro Filho destacou-se pela abordagem interpretativa, fundamentada no legado dialético-marxista que flui de Hegel a Lukács, focalizando o jornalismo […]


História da imprensa em pirâmide invertida

A historiografia brasileira encontra-se frente a um paradoxo, neste início de século. Cresce o volume de pesquisas sobre a imprensa, mas são raras as generalizações capazes elucidar seu desenvolvimento ou discernir melhor o seu futuro.A explicação plausível para esse fenômeno repousa no caráter predominantemente monográfico dos estudos hegemônicos, sem que possamos tecer quadros holísticos ou […]


O amadurecimento do método

O Jornalismo percorreu três fases distintas, enquanto objeto de estudo, na sociedade brasileira. [O conceito de Jornalismo aqui empregado é aquele explicitado em minha tese de livre-docência na Universidade de São Paulo (1983), aqui atualizado: ‘O jornalismo é um fenômeno universal, mas suas raízes são européias, concebido como um processo social que se articula a […]


O vanguardismo da comunicação paulista

A hegemonia conquistada por São Paulo no panorama brasileiro do século XX foi conseqüência da acumulação capitalista, responsável pela aceleração industrial que transformou esta região no maior pólo econômico da América Latina. Mas esse episódio da História Contemporânea tem sido examinado sob diferentes prismas – socais, políticos, psicológicos – deixando de lado os fatores comunicacionais, […]


Quem pergunta é a fonte

Numa conjuntura em que segmentos da universidade torcem o nariz para as evidências empíricas, privilegiando a reflexão abstrata sobre temas e problemas de exclusivo interesse dos guetos acadêmicos, saudamos com alegria e esperança este livro escrito por três competentes profissionais, cuja intenção é deslindar o cenário jornalístico brasileiro, contribuindo para a melhoria da produção noticiosa […]


Os desafios cruciais do jornalismo

Confesso que fiquei duplamente sensibilizado pela generosidade dos colegas. Em primeiro lugar, por ser um nordestino, desterrado há 40 anos em terras paulistas, que merece o reconhecimento intelectual dos seus conterrâneos. Foi com o coração partido que, logo depois de diplomado em Jornalismo, embarquei, não num pau-de-arara, como o fizeram tantos nordestinos expulsos pela seca […]


Imprensa no foco da cidadania

A Universidade Estadual de Campinas vem se destacando no panorama acadêmico pela inovatividade e vanguardismo. Principal centro brasileiro de pesquisa aplicada, busca através da cooperação com as empresas e o governo reduzir a distância entre o ensino superior e o cotidiano da nossa sociedade.Evidência dessa vocação modernizante da Unicamp é a criação do Laboratório de […]