Monday, 24 de June de 2024 ISSN 1519-7670 - Ano 24 - nº 1293

Edição: 895

Vídeos falsos confundem o público e a imprensa

Cerca de duas horas depois da divulgação dos atentados de terça-feira (22/03) em Bruxelas, apareceu um vídeo no YouTube, sob a alegação de que seriam imagens do circuito fechado de televisão (CCTV), mostrando uma explosão no aeroporto Zaventem, da cidade. As imagens rapidamente se espalharam pelas redes sociais e foram divulgadas por alguns dos principais […]

Grampos e as responsabilidades da mídia

A reação foi imediata, mas insuficiente. Constrangidos, apresentadores dos telejornais da TV Globo apressaram-se a ler um curto texto para justificar a atuação da emissora na cobertura da crise nesta semana. Ao transmitir ao vivo manifestações públicas, foi impossível impedir o coro de “o povo não é bobo, abaixo a Rede Globo!”. Por isso, das […]

A inspiração e a alma

Soube da existência do Observatório da Imprensa por intermédio do jornalista Paulo Nassar, amigo de longa data, atual diretor presidente da Aberje (Associação Brasileira de Comunicação Empresarial). Corria o ano de 1996 e Nassar me contava sobre um grupo que se formara em Campinas, sob o guarda-chuva da Unicamp, que vinha trabalhando na articulação de […]

Jornais franceses investem contra bloqueadores de anúncios online

Três grandes jornais franceses, entre eles o Le Monde, decidiram obrigar os seus leitores a desativar os softwares bloqueadores de publicidade na internet como condição para acessar o conteúdo editorial. Os jornais alegam que o bloqueio de anúncios inseridos nas edições online reduz as receitas publicitárias e com isto ameaça a sustentabilidade financeira das publicações. […]

Margareth Sullivan

O Times tem uma nova maneira de tratar informações fornecidas por pessoas que não querem ser identificadas por seu nome – também conhecidas como fontes anônimas. Depois que escrevi, num texto que fiz para meu blog na semana passada, sobre as novas diretrizes, muitos leitores me escreveram para compartilhar suas reações. Quero usar esta coluna […]

Vera Guimarães Martins

Ok, os tempos são algo irracionais, mas, pelo menos em nome da gravidade da crise, deveria haver um limite para teorias conspiratórias. “Por favor, comente o horóscopo de hoje (13), que pede a todos os signos que fiquem em casa, busquem a natureza ou se resguardem. Já passou da hora de a Folha assumir que […]

Tânia Alves

A foto que estampou a capa da segunda-feira passada (14/3) para ilustrar a cobertura da manifestação “Fora, Dilma” (ver fac-símile) foi motivo de reclamação. Um leitor enviou: “A edição de hoje (14 de março) estampa foto da manifestação pelo impeachment de Dilma, registrando muito parcialmente o público ‘na parte de trás do caminhão de som’”, […]

Um referendo como saída democrática para a crise

O ato político nas ruas do Brasil no dia 18 de março foi importante. Contudo, não responde a muitas das suas próprias limitações. As principais delas são tentativas de condicionar a defesa da democracia a uma defesa incondicional do governo Dilma e dos seus equívocos – que são muitos –, e da reificação da concertación […]

Afinal, a mídia é golpista?

De cada 10 posts na minha timeline do Facebook, cinco são “mídia golpista”, “Globo golpista” e “não vai ter golpe”. A imprensa tornou-se o bode expiatório. Mas eu pergunto: a mídia é que é golpista? Dos diversos jornais de grande circulação, dos portais de maior acesso e credibilidade, que têm seus posts republicados por defensores […]

Dirigente da Transparência Brasil avalia a operação Lava Jato

Claudio Weber Abramo, o vice-presidente da  da organização não governamental Transparência Brasil deu uma entrevista a rádio Deutsche Welle, da Alemanha,  sobre o desenrolar da operação Lava Jato na qual emite uma série de opiniões capazes de provocar algumas reflexões sobre o combate à corrupção no Brasil.  Segue a reprodução da entrevista: Podemos dizer, a […]

Por favor, onde posso me informar sobre a crise?

Esta é a pergunta que mais tenho escutado nos últimos dias durante conversas pela internet e em debates públicos ou de botequim. Impressiona a quantidade de brasileiros confusos e desorientados diante de uma batalha informativa que aumenta de intensidade a cada dia e cujo desfecho não é possível vislumbrar. É o drama vivido por pessoas […]