Tuesday, 16 de August de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1200

propaganda

A neblina de desinformação e a guerra da Ucrânia – I

No dia 24 de fevereiro de 2022, Vladimir Putin alega que iniciaria uma “operação militar especial” para ‘‘desmilitarização’’ e ”desnazificação” da Ucrânia. Essa alegação tem sido usada em propagandas e desinformação para justificar a invasão do território ucraniano pelas tropas russas. Para entender quais são os reais motivos russos para esse ataque ofensivo e como […]

Documentário resgata o infortúnio de peões do tabuleiro da propaganda enganosa da ditadura militar

Foi melancólico rever, meio século depois, alguns daqueles jovens esperançosos que estavam ao meu lado no movimento estudantil de 1968 e na luta armada subsequente à assinatura do AI-5, quando o Brasil foi submetido ao terrorismo de Estado sem quaisquer limites. Refiro-me, claro, à exibição on line, no Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade, […]

Mulheres na mídia

A inversão do jogo de forças entre as mulheres e o marketing das empresas. Elas ditam como querem ser representadas e não aceitam modelos rígidos e prontos. Mas até que ponto as empresas e as agências estão entendo isso? Já é chavão afirmar que a mulher é ora representada como objeto sexual pelas propagandas de […]

Quando a crítica deve ser silenciada

Os dados são da organização internacional Repórteres sem Fronteiras (Reporters sans Frontières): em matéria de liberdade de imprensa, o Brasil ocupa o 104º lugar. Há seis anos, ficava em 58º. Quem revela essa vergonha é o jornalista norte-americano Glenn Greenwald, conhecido por ter denunciado o escândalo da rede de grampos da NSA, que mora no […]

A comunicação persuasiva

Em discurso proferido, há quatro anos, no Sindicato das Agências de Propaganda do estado de Minas Gerais (Sinapro), Édison Zenóbio (1931-2015) descrevia a publicidade como a “magia que insufla os olhares”. Etimologicamente, a publicidade deriva de público (do latim publicus) e significa o ato de tornar público um fato, uma ideia. É um meio de […]

Renato Negrão, um crítico da propaganda

Em Vicente Viciado (2012), o poeta Renato Negrão se destaca como crítico do mundo da propaganda embalada em promover somente a felicidade como acontecimento de suma importância vital: “ÁL/cool/&/Ai/ds/&/nem/h/uma/ass/oci&/ação/em/cam/panh/as/pub/licit/árias”. Entre a felicidade (solução) e a tristeza (problema), a publicidade se alinha ideologicamente à primeira, evitando a todo o custo à segunda. Por que ocorre esta […]