Friday, 19 de August de 2022 ISSN 1519-7670 - Ano 22 - nº 1201

Edição: 1184

Não há meia democracia

Na democracia, assim como na gravidez feminina, não há meio termo. Não há meia democracia. É ou não é. Assume-se ou rejeita-se. Mas a imprensa parece ignorar este fato e tenta conviver com um governo que adota princípios que negam na prática o compromisso democrático. A indefinição é o grande dilema da mídia brasileira às […]

A América Latina e a crise russo-ucraniana

A invasão russa na Ucrânia provocou reações e a mobilização da comunidade internacional. Se as reações da União Europeia e dos Estados Unidos são conhecidas, o que dizer da América Latina? Jean-Jacques Kourliandsky, diretor do Observatório da América Latina da Fundação Jean-Jaurès, decifra as diversas posições tomadas pelos países latino-americanos e analisa os “equilíbrios ambíguos”. […]

Jornalismo no Uruguai: entrevista com Pedro Russi Duarte

Entre 2005 e 2019, os temas relevantes no Uruguai foram a construção do relato da terrível insegurança, da calamitosa educação. A partir de 2020, publicar na lógica da “receita de bolo”.  Pedro Russi Duarte é um estudioso e professor de jornalismo formado em Ciências da Educação pela Universidade Católica do Uruguai. Pós-doutor em Filosofia pela […]

É o começo da terceira guerra mundial?

Desta vez, decidi dar uma olhada no que dizem alguns russos e ucranianos sobre a invasão da Ucrânia. Mesmo porque o presidente do meu grupo de correspondentes, a APES, Associação da Imprensa Estrangeira na Suíça, conseguiu um contato com o escritor Andrei Kurkov, filho de pais comunistas, nascido, em 1961, perto da fronteira russa e […]

Imprensa erra ao chamar os “pastores do MEC” de lobistas. Eles são vigaristas

Nós jornalistas temos a mania de simplificar as coisas. E às vezes cometemos exageros que podem comprometer a exatidão das nossas matérias. Seguindo essa linha de pensamento estou sugerindo que examinemos um detalhe na cobertura do caso dos “pastores evangelhos do MEC”. No meio das matérias, eles estão sendo chamados de lobistas. Não são lobistas. […]